No Giro – SP de bike
1409/2014Off

Pedal do Olavo – 14/09/2014

Como não pedalava a bastante tempo girei uns 10k antes de ir pro Olavo pra sentir como estavam as pernas. Apesar do tempo sem pedal estava me sentindo bem e conseguindo manter um giro sem ficar cansado.
Cheguei na FNAC e a pracinha estava cheia, apesar disso parecia que sairia somente um pedal, enquanto conversávamos aguardando a saída começou um zumzum querendo fazer uma divisão em dois grupos, acabaram me chamando pra puxar uma turma e como achei que tinha condições propus um giro até a Cantareira.
Nosso grupo foi relativamente coeso até o cruzamento da Nova Cantareira com a Maria Amália, ali como já era tarde perguntei ao grupo se preferiam voltar ou fazer a subida final da Nova Cantareira, optamos pela subida mas evitamos a Sen Ermirio de Moraes que tem um trajeto mais curto mas muito mais inclinado. Fizemos uma pausa no fim da Nova Cantareira e retornamos pela Sen. Ermírio.
Lá embaixo nos preparando para ir em direção ao Horto me avisaram que uma bike ficou parada no fim da descida da Senador, pedi ao Eduardo e ao Serginho que já conhecem o trajeto da volta para levar o grupo pra padoca e voltei pra encontrar o ciclista que ficou.
Na senador não encontrei ninguém no fim da descida, subi a primeira perna para ter uma visão dos 400m finais da descida e não vi nenhuma bike. Desisti e voltei mas não consegui alcançar mais o grupo, cheguei alguns minutos depois deles na padoca.
Voltei pro Morumbi com o Serginho mas meu ritmo caiu de forma assustadora e subi bem na manhã até em casa. A busca pela bike que ficou detonou as minhas energias gastei muito voltando e depois tentando alcançar o grupo de novo. Acho que mais um ou dois meses de treino resolvem esse problema 🙂
Girei 67.7k com 902m de elevação (Strava)
Fiz poucas fotos no giro de hoje ...


...e o Eduardo Moura mandou mais algumas!