No Giro – SP de bike
2602/2015Off

Giro das Vilas (Ida, Romana e Madalena) – 26/02/2015

Um pouco depois das 6:00 o sol já estava brilhando, resolvi sair mais cedo e girar um pouco mais longe, fui até a Vila Ida, Vila Romana e Vila Madalena e fiquei pela região. Passei na Doceira Renê na Rua Dnieper mas ainda era muito cedo e estava fechada 🙁
Voltei pela Cidade Jardim e subi pelas novas ciclovias do Morumbi. Fechei com 32,3k e 399m de elevação (Strava).

Categorias: 2015, Giros
2602/2015Off

Ciclovia na Rua Camargo – 26/02/2015

Terminando a Ciclovia da Elizeu de Almeida antes era só seguir na faixa de rolamento da Rua Camargo até a rua que dá acesso a Ciclorota que vai até a entrada da USP. Agora pintaram uma ciclovia na calçada da Rua Camargo e ela termina na faixa de pedestres assim antes você seguia o fluxo do tráfego e atravessava a MMDC, agora você precisa ficar atento aos carros que vão entrar na MMDC vindos da Camargo, bem confuso o jeito é desmontar e cruzar pela faixa de pedestres.

Categorias: 2015, Giros
2502/2015Off

Giro Ciclovias – Parte 5 – Lineu de Paula Machado x José Augusto de Queiroz

Essa ciclovia durante todo o trajeto de hoje foi a que me pareceu mais perigosa, a região do Jockey Clube é bem movimentada e a ciclovia tem duas mãos na mesma faixa, assim em algum momento você pedala em direção contrária ao fluxo do trânsito. Na José Augusto de Queiroz a ciclovia términa de forma abrupta e você fica próximo a marginal e a ponte da Cidade Jardim, mas sem opção de chegar na ponte sem pegar a contra mão, espero que façam uma interligação que permita atravessar a ponte. Terminei o giro de hoje com 47,5k e 295m de elevação (Strava).

Categorias: 2015, Giros
2502/2015Off

Giro Ciclovias – Parte 4 – Fonseca Rodrigues x Gastão Vidigal

Essa é a sequência da Ciclovia da Brig. Faria Lima, segue até o Viaduto da Gastão Vidigal, um grande trecho entre a Av. Pedroso de Moraes e a Praça Apecatu é precariamente sinalizado, em alguns pontos é difícil saber pra onde ir e os carros também não sabem se estão ou não ficando na passagem. No meu giro a experiência com os motoristas foi muito boa, muitos aguardando as bikes passarem mesmo nesse pontos obscuros e ninguém buzinando como louco.

Categorias: 2015, Giros
2502/2015Off

Giro Ciclovias – Parte 3 – Brig. Faria Lima x Prof. Artur Ramos

Uma das ciclovias mais bonitas da cidade e provavelmente a melhor sinalizada, pelo menos até a região do Largo da Batata, depois é muito confusa até a Esq. da Pedroso de Moraes, com trechos de travessia de pedestres sem faixa e desníveis não sinalizados.

Categorias: 2015, Giros